Dirigindo em Orlando

Dirigindo em Orlando

Você acabou de alugar o seu carro em Orlando ou Miami. Mas e agora? Como dirigir por lá?

Não é muito difícil dirigir em Orlando. Se você não tem um GPS, a primeira dica é pegar um mapa gratuito das principais vias para você se localizar. Algumas locadoras oferecem o aluguel de GPS com o carro, mas na minha opinião, financeiramente não compensa. Se você for em um Walmart ou Bestbuy pode comprar seu GPS e economizar.

Nos EUA, não só as leis de trânsito, mas as leis de uma maneira geral, são cumpridas e não existe “jeitinho brasileiro”, então atente-se em observar todas as regras de trânsito.

Começando a dirigir

Não é necessário nenhuma licença especial ou a PID (Permissão Internacional para Dirigir), mas você deve sempre portar sua CNH e Passaporte.

A grande maioria dos carros é automático. Se você não está familiarizado com um carro automático, peça orientação a um funcionário da locadora. O carro automático não tem embreagem e não é preciso trocar as marchas. O câmbio automático possui 4 posições básicas: P – N – R – D

  • P significa park. Esta posição é usada para dar a partida e desligar o carro. Se o câmbio não estiver em P, o carro não liga.
  • N significa neutro, ou ponto morto. Não é muito utilizado
  • R significa
  • D significa drive. É a posição que você coloca para dirigir.

Para quem está acostumado com o trânsito das capitais como São Paulo, o trânsito em Orlando e região é bem tranquilo. As avenidas são largas e bem sinalizadas, e não há motoqueiros andando e buzinando pelos corredores 🙂

Muitas ruas, avenidas e rodovias, além do nome podem apresentar uma letra após o nome. Esta letra significa a direção da via e isso é bastante útil para se localizar e pegar o caminho certo.

  • Leste = E (East)
  • Oeste = W (West)
  • Norte = N (North)
  • Sul = S (South)
Fonte: superstarroadtrip.wordpress.com

Fonte: superstarroadtrip.wordpress.com

 

Outra forma de orientação é pelos números das vias. Algumas, além do nome, apresentam também uma numeração.

Regras básicas de Trânsito nos EUAspeed-limit

As placas de trânsito são bem parecidas com as nossas, com algumas exceções.  A primeira coisa que muda é a forma como a velocidade é medida, milhas por hora (MPH). Mas não precisa se preocupar com isso pois o velocímetro também está em MPH. Obedeça sempre o limite de velocidade, pois as multas são pesadas. Apenas como referência, 60 MPH são aproximadamente 100Km/h.

As placas de proibido estacionar são um P cortado, já que estacionar significa PARK. Quando estiver escrito Tow Away Zone significa que está sujeito à guincho. Respeite também as placas de vagas exclusivas destinadas a deficientes, idosos, etc.

Quando houver placas de STOP (Pare) ou se estiver escrito no chão, não se deve fazer como no Brasil de apenas reduzir a velocidade: é obrigatório parar e contar 3 segundos, mesmo que não haja ninguém no cruzamento.  Alguns cruzamentos podem ter uma placa de STOP escrito 4-WAY. Isso significa que não há uma preferencial, todos que vão atravessar o cruzamento devem parar. A regra é: o primeiro que chegou no cruzamento é o primeiro a sair.

Geralmente, a conversão à direita é livre (com atenção!), mesmo se o semáforo estiver vermelho. Quando estiver escrito NO TURN ON RED, significa que você tem que esperar o semáforo ficar verde.

As faixas ONLY (somente) são destinadas exclusivamente à conversão indicada pela seta branca pintada no chão (esquerda ou direita). Se você entrar em uma ONLY, não saia, pois se algum policial ver, você tem grandes chances de ser parado. Nos EUA de uma maneira geral há muitos UNDERCOVERS (à paisana).

Principais placas

Placas comuns

É obrigatório transportar crianças em cadeirinha apropriada de acordo com a idade e tamanho. Se você pretende comprar uma cadeirinha por lá, não se esqueça que há o trajeto entre o aeroporto e o seu hotel. O cinto de segurança é obrigatório para os ocupantes do banco dianteiro e menores de 18 anos em todos os bancos.

Malas não devem ser transportadas nos bancos, isso também é passível de multa.

Quando estiver em uma rodovia e houver um carro de polícia no acostamento com as luzes acesas, você não deve passar na faixa logo ao lado, mude de faixa. Uma amiga minha levou multa por causa disso.

Não se esqueça sempre de dar a preferência ao pedestre!

Quando você entra na área da Disney, as placas mudam de cor, ficam roxas.

Abastecendo o carro

Nos postos de gasolina não há frentista, é self-service.  Em cada bomba há local para passar o cartão de crédito ou débito. Caso seu cartão não passe, você deve ir ao caixa da loja de conveniência,  pagar antecipadamente e indicar qual a PUMP (bomba) que você deseja. Se você não utilizar todo o dinheiro que depositou na bomba, é só retornar ao caixa e pegar o troco.

Nos EUA a medida de volume é o galão (Gal.) 1 Gal = 3,785L

Nas rodovias geralmente não há postos de gasolina com aqui no Brasil, você deve sair por uma alça de acesso para procurar um local para abastecer.

Pedágios

Existem tanto rodovias com pedágio como sem. Se você quiser evitar os pedágios, nos GPSs geralmente há uma opção para isso.

Pedágio em inglês é TOLL. Em algumas rodovias há uma bifurcação indicando  dois caminhos: um para o E-PASS (cobrança automática) e outro para as CASH LANES (cabines de cobrança). As faixas do E-PASS não possuem nenhum tipo de cabine, então tome cuidado para não confundir e levar uma multa. Nas cabines de cobrança nem sempre há pessoas para cobrar, geralmente há uma espécie de cesto plástico onde você deve jogar as moedas. As cabines EXACT COINS são as que só há a opção de jogar as moedas.  A dica aqui é juntar bastante moedas que você recebe de troco no carro para pagar os pedágios.

fonte: wikipedia/SPUI

fonte: wikipedia/SPUI

Geralmente as locadoras de carro tem convênio com o E-PASS (cobrança automática), mesmo que não tenha um TAG dentro do carro. Informe-se na sua locadora se esta facilidade está disponível no seu carro. Este serviço é cobrado à parte.

Se você não sabe se há pedágios no caminho do aeroporto para o hotel, compre um chocolate no aeroporto para pegar algumas moedas de troco.

O valor dos pedágios na região central da Flórida varia de US$0,50 a US$3,00, sendo o preço médio US$1,25.

Comentários